Denise Rocha, o Furacão da CPI, não afirma quem vazou Vídeo de...

Denise Rocha, o Furacão da CPI, não afirma quem vazou Vídeo de Sexo

0 84

Vídeo de Sexo da assessora Denise Leitão Rocha caiu na net após fotos vazarem

Denise Leitão Rocha ficou famosa como o Furacão da CPI e pode posar nua para a Playboy

Denise Rocha, assessora que ficou famosa como Furacão da CPI, depois de ter um vídeo de sexo circulando pelo Senado pela internet, disse por telefone ao G1 não poder afirmar que o homem que aparece com ela nas imagens é o responsável pelo vazamento da gravação.

A polícia do Distrito Federal investiga o autor da divulgação do vídeo. Segundo policiais, o suspeito confirmou ser a pessoa que aparece no vídeo, mas negou ser o responsável pelo vazamento do material na internet.

“É preciso dizer que ele [suspeito] é o homem que está comigo nas imagens. Quem poderia ter vazado o vídeo era ele, mas o que acontece é que pode ter mais gente envolvida. Vai que alguém pegou esse vídeo? Eu não sei. Eu não posso dizer que foi ele ou que tem alguma pessoa envolvida com ele”, afirmou.

Denise Rocha, que teve vídeo sexo na net, é apontada como affair de Romario

Após vídeo de sexo, Denise Rocha é demitida e tem proposta da Playboy

Denise Rocha, o Furacão da CPI, recebeu convite do Pânico

Furacão da CPI, Denise Rocha, famosa por vídeo, pode ‘engavetar’ Playboy de Global, diz jornal

Assessora vem sendo muito prejudicada com o caso

Segundo informações, o  homem que aparece com Denise Leitão Rocha no vídeo é policial militar no Distrito Federal. Sua identidade, no entanto, tem sido preservada pela assessora, que havia afirmado ser ele o responsável pelo vazamento. A delegacia que investiga o caso manteve a mesma postura de Denise e não revelou o nome do homem.

Denise Rocha ganhou o apelido de Furacão da CPI

Denise Rocha

A principio, vazaram fotos sensuais de  Denise Rocha, e em seguida a bela assessora aparece em um vídeo com cenas tórridas, divulgadas sem qualquer dispositivo de segurança em uma página dedicada justamente ao combate aos abusos contra crianças. O site Todos contra a pedofilia-MT exibia, sem cortes e sem censura, a filmagem caseira de 4’20″., se o leitor é maior de idade, pode acessar o vídeo aqui.

Deixe um Comentário